feriado social

Visitar a Mesquita Azul

Visitar a Mesquita Azul era item essencial na minha lista das coisas que fazer em Istambul.

A história da Mesquita Azul

Ela tem o seu nome por causa da cor dos seus mosaicos de porcelana. Foi construída pelo sultão Ahmet no século XVII, na antiga cidade de Byzantium. De ali saíam os peregrinos em direção a Meca.

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

As decorações dos murais mencionam o nome de Alá, já que os muçulmanos não o representam com forma humana, com os católicos que pintam Jesus ou Deus. Também há representações do paraíso nos murais do andar superior. No interior há quatro pilares que sustêm uma enorme cúpula, de mais de 40 metros de altura.

A Turquia é um dos poucos países onde os não muçulmanos podem entrar nas mesquitas.

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

Há tapetes magníficos que cobrem o solo, para que os fiéis possam rezar ajoelhados. Do lado de fora, as quatro pontas enormes (minaretes) se extendem até o céu, e são vistos desde uma grande distância, desde o outro lado do Bósforo.

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

Para entrar é pereciso tirar os calçados, pois eles não querem que a sujeira exterior entre na Mesquita. E cobrir os braços, pernas e a cabeças também é obrigatório. E assim nós fomos.

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

Uma vez lá dentro é impossível nao pensar na história que aquele lugar representa. Ao mesmo tempo você vê os muçulmanos ao seu redor e começa a imaginar também um pouco da história de vida deles. Esse é um daqueles lugares nos quais você entra de um jeito e sai modificado.

Os muçulmanos, antes e depois de saírem da Mesquita lavam seus pés nessas pequenas galerias que ficam do lado de fora da Mesquita.

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

viaja-pra-estambul-mesquita-azul

Este foi nossa última parada em Istambul. De lá fomos direto para o aeroporto em direção a Madri.

1955 Visualizações

Shortlink para este artigo:

Dany Colares

Jornalista, produtora de vídeo e mestra em TV e Cinema pela Universidad San Pablo CEU, de Madri. Já morou em San Diego, Madri e agora vive em Londres, de onde escreve sobre lugares, pessoas, baladas e tudo mais que descobre em suas viagens pelo mundo.

COMENTÁRIOS

Gostou do post? Me diz o que pensa!





CommentLuv badge

* Campos de preenchimento obrigatório