feriado social

A origem da terça-feira 13

 Não, eu não escrevi errado.

Toda história ao redor de uma sexta-feira 13 no Brasil, aqui na Espanha (na América Latina e na Grécia) rola em dias como hoje, uma terça-feira 13.

E se não fosse pelos meus amigos espanhóis me perguntando que tal foi meu martes 13… Se tudo coreu bem… Confesso que nem teria me lembrado desse detalhe do dia de hoje.

Em espanhol, o que se diz é

“Es 13, um martes, no te cases ni te embarques y de tu família no te apartes”.

O que traduzindo quer dizer que em uma terça-feira 13 não se case, nem embarque, e da sua família nao se separe. Já sabe, hoje todo mundo pertinho da família, solteiro e com os pés bem firmes no chão.

Mas de onde vem esta superstição? E por que há diferença entre sexta-feira 13 e terça-feira 13?

O 13 por si só já é um número que é dado má sorte desde os tempos antigos. Na mitologia nórdica, onde a coisa começou, láááá na era pré-cristã, em um banquete no Valhalla 12 deuses foram convidados. Loki, o espírito da luta e do mal, furou o jantar com a maior cara de pau, elevando o número de pessoas presentes a 13. Na luta que ocorreu para expulsar Loki, Balder, o favorito dos deuses, foi morto. Além disso, o 13 também é um mau presságio, pois representa a quantidade de pessoas lá na Última Ceia de Jesus Cristo. E nós sabemos como terminou essa história.

Somado a isso vem a  Cabala judaica e me lista 13 espíritos malignos. Mais razões? No Apocalipse é no capítulo 13 onde acontece a chegada do Anticristo. No tarô o 13 é a carta da morte. Diz-se também que era uma terça-feira 13, quando Deus fez a confusão das línguas da torre de Babel. Jesuis, até eu já tô com um pé atrás só de escrever tudo isso.

E porque aqui é uma terça-feira?

Porque terça-feira em espanhol se diz martes, do planeta Marte. Este nome refere-se ao deus romano da guerra, que se chama Marte, e que batizou o planeta pelo fato de ser vermelho. Vermelho sangue. Sem falar que o planeta era chamado de pequeno maligno durante alguns períodos. Pra acabar, Constantinopla foi ao chão em uma terça-feira. 

Assim sendo, a combinação do dia do deus da violência e da morte com o número de morte também… Bom, não é dos melhores dias, convenhamos.

Agora pura superstição porque a minha resposta aos meus amigos foi que o dia foi muito bom, obrigado. E assim como acho gato preto uma coisa fofa, passo debaixo da escada e deixo varrerem meus pés sem problema, o dia de hoje não é nada mais do que isso, uma superstição que nasceu nos tempos medievais.

E de onde vem a sexta-feira 13?

No nosso caso, aí no Brasil, a coisa vem de outra fonte, da cultura anglo-saxã, que cultua os mitos nórdicos, ao invés de cultura romana. Além disso, Jesus foi crucificado em uma sexta-feira 13.

Curiosidade 1: A fobia a este día se chama Trezidavomartiofobia.
Curiosidade 2: Um dos amigos que me mandou mensagem hoje perguntando como foi o dia, é a mesma figura que outro dia no cinema se negou a sentar na cadeira n.13. Deve sofrer dessa fobia aí.

 

2126 Visualizações

Shortlink para este artigo:

Dany Colares

Jornalista, produtora de vídeo e mestra em TV e Cinema pela Universidad San Pablo CEU, de Madri. Já morou em San Diego, Madri e agora vive em Londres, de onde escreve sobre lugares, pessoas, baladas e tudo mais que descobre em suas viagens pelo mundo.

COMENTÁRIOS

Gostou do post? Me diz o que pensa!





CommentLuv badge

* Campos de preenchimento obrigatório