feriado social

Reveillón em Sydney

Isso mesmo.

Nao foi só um novo layout que o final de ano trouxe. Outras muitas novidades vem por aí. E essa é uma delas.

Esse final de ano o blog toma novos rumos e vai saltar junto a cangurus e subir em árvores junto com os koalas.

feriado-pessoal.sydney

Esse ano realizo o sonho de um vida inteira de passar o reveillón em Sydney.

Dez horas antes da Espanha. Doze horas antes do Brasil. Eu já vou estar tomando o 1º café da manhã de 2013 enquanto minha família ainda estiver cozinhando o último almoço de 2012.

Lembro de, no começo desse ano, ligar pro Brasil pra desejar Feliz Ano Novo lá em casa e falar pra minha mãe que de repente poderíamos organizar um reveillón pra toda a família na Austrália para 2012/2013.

Que louca que a vida é: o sonho de uma vida, falado ao telefone, finalmente se tornando realidade. Bom, mais ou menos, porque a família, bem… Essa fica no Brasil.

Vou sozinha. Na cara e na coragem, sem conhecer ninguém, correndo o seríssimo risco de começar o ano eu comigo mesma e os fogos de artifício na Harbour Bridge, sem ninguém pra abraçar.

Em exatamente uma semana embarco em um vôo de 24h (!) sem escalas até Sydney na minha 1º viagem realmente sozinha.

Já viajei pra Paris só, mas estar do outro lado do mundo, na Austrália, sem ninguém, e no reveillón, é algo novo. Mamãe já está quase tendo uma síncope de preocupação.

feriado-pessoal-sydney-opera-bar

 Ontem, conversando com amigos espanhóis o que mais ouvia era que eu tinha muita, muita coragem: que par de cojones tienes, tía!, me diziam eles. “Nao é toda mulher que decide passar o reveillón sozinha na Austrália”.

Estou na fase dos últimos acertos e querendo que a ansiedade me teletransporte pra lá o mais rápido possível. Fazendo planos, pegando informações do que fazer, onde ir, onde comer, onde dormir na Austrália.

E morrendo de medo. Sim, morrendo de medo. Porque por mais corajosa e desbravadora que eu seja, vou estar sozinha do outro lado do mundo no final de 2012 e no começo de 2013. E isso dá sim um miedo que te cagas, como diriam meus amigos espanhóis.

Mas é tudo uma questão de pensamento positivo. Pra superar o medinho, é mirar pra fé e remar.

E enquanto minha família e vocês estiverem reunidos, planejando o última refeição de 2012, a ceia de reveillón e o café da manha de 2013, eu vou estar vivendo finalmente o sonho de ter passado o reveillón do outro lado do mundo. E querendo que 2013 comece dessa maneira tão especial: colorida, explosiva, diferente, única.

E vou contando tudo por aqui. Vocês embarcam comigo!

 

2293 Visualizações

Shortlink para este artigo:

Dany Colares

Jornalista, produtora de vídeo e mestra em TV e Cinema pela Universidad San Pablo CEU, de Madri. Já morou em San Diego, Madri, Londres e agora voltou pro Brasil, de onde escreve sobre lugares, pessoas, baladas e tudo mais que descobre em suas viagens pelo mundo.

COMENTÁRIOS

  1. vai ser demais!
    quero te ver antes de vc ir, Danizoca!
    vou mandar um inbox no feice 😉

    beijos, guapetona

  2. Diogo Bonifácio disse:

    Uma vontadezinha…

Gostou do post? Me diz o que pensa!





CommentLuv badge

* Campos de preenchimento obrigatório