feriado social

Comida paraense – Restaurante Remanso do Bosque
Comida paraense de Belém pro mundo

Comida paraense de Belém pro mundo

E a nossa comida paraense ganha cada vez mais destaque na gastronomia mundial. Belém do Pará já ganhou da Revista Viagem e Turismo o título de capital gastronômica do mundo e fica fácil entender a razão depois de uns dias na cidade.

De férias em Belém, em um sábado à tarde fui matar saudade da comida paraense em um dos mais famosos restaurantes de Belém, o Remanso do Bosque.

comida-paraense-restaurante-belem

O chef renomado

Belém já contava contava há anos com o pequeno e super concorrido Remanso do Peixe. Em dezembro de 2011 nasceu o Remanso do Bosque, localizado em frente ao Jardim Botânico, que ficou a cargo do chef Thiago Castanho, filho do criador do Remanso do Peixe. Ícone da nova geração de chefs badalados do Brasil, Thiago foi o chef do ano pela segunda vez consecutiva da revista Veja e o internacional Alex Atala já disse que Thiago é um dos cinco melhores cozinheiros em atividade no país. Ponto pro Thiago, ponto para Belém!

Seu Remanso do Bosque traz receitas de carnes, massas e peixes pontuadas por sabores amazônicos. A diferença do Remanso do Bosque é o total uso dos ingredientes regionais. Tudo no cardápio tem o toque paraense nos temperos, ingredientes, acompanhamentos. O irmão mais novo, Felipe, é a outra parte deste restaurante que faz questão de utilizar o forno a lenha e a grelha em muitos dos seus pratos.

O restaurante e o cardápio

O espaço deixa um pouco a desejar, me lembrou uma churrascaria. A decoração é sem graça, mas a comida faz tudo valer à pena. Ganharam pontos a horta que você vê assim que entra no restaurante e a mesa decorada com farinha d’água, a farinha amarela típica daqui.

comida-paraense-restaurante-belem

comida-paraense-restaurante-belem

comida-paraense-restaurante-belem

comida-paraense-restaurante-belem

Entre as oito sugestões de comida paraense na brasa estão um pedaço de 550 gramas, carnuda e macia, de lombo de filhote (R$ 99,00, para duas pessoas) e quatro cortes especiais de carne, caso do t-bone (R$ 70,00; 470 gramas), que vêm com macaxeira na manteiga, salada de feijão-caupi, arroz e farofa.

Do forno a lenha saem a barriga de porco com molho de rapadura e batatas ao alecrim, que vem acompanhada com couve picada e pirão de leite (R$ 44,00), e o suculento lombo de pescada-amarela. Assado com batatas, tomate-cereja, azeitona preta, cebola, pimentões e limão-siciliano, ele vem delicisamente acomapanhado de um cuscuz de farinha-d’água (R$ 95,00; 500 gramas) que eu já recriei aqui em casa.

O que comemos

O cardápio me deixou em dúvida quando vi a opção de uma tradicional paella espanhola. Mas não iria cometer o crime de pedir paella fora da minha casa, a Espanha. E estando em Belém, peça comida regional. De entrada, pra matar a saudade, suco de cupuaçu bem gelado. E mussarela de búfala com tapioca e melaço de cana.

O prato principal do almoço foi o lombo de pescada amarela. Delicioso. Confesso que me surpreendeu gratamente a destreza para combinar todos os ingredientes e ainda assim deixar o peixe com seu sabor e sua textura original. Obra-prima.

comida-paraense-restaurante-belem

comida-paraense-restaurante-belem

comida-paraense-restaurante-belem

Mais pontos para a pimenta. Eu sou viciada em pimenta e meus olhos brilharam quando o garçom, estremamente gentil, trouxe três diferentes tipos de pimenta para o meu lombo de pescada amarela.

A sobremesa recomendada foi a terrine de chocolate 50%, com mousseline de maracujá e gomos de tangerina marinados com mel e cachaça. Apesar de recomendada, não foi pedida porque depois da entrada, do suco e da pescada amarela, não havia mais espaço para sobremesa. Problema nenhum. Está aí uma boa desculpa para voltar ao Remanso do Bosque.

Opinião final

O restaurante não é barato, mas cada centavo vale a pena. A apresentaçao dos pratos era justa e certeira. Nada de enfeitar demais a comida. O sabor, autêntico, original, verdadeiro. Quando eu finalmente conseguir trazer meus amigos da Espanha pra Belém, o Remanso do Bosque é uma excelente opção.

comida-paraense-restaurante-belem

comida-paraense-restaurante-belem

Remanso do Bosque
Av. Rômulo Maiorana com Perebebuí – Marco. Belém/PA
(91) 3347-2829.
contato@restauranteremanso.com.br

FIQUE POR DENTRO

Pra não perder nenhuma notícia, me segue no twitter e confere as fotos das minhas viagens no instagram. Ah, e todos os vídeos de viagem estão lá no meu canal do YouTube.

 

4102 Visualizações

Shortlink para este artigo:

Dany Colares

Jornalista, produtora de vídeo e mestra em TV e Cinema pela Universidad San Pablo CEU, de Madri. Já morou em San Diego, Madri e agora vive em Londres, de onde escreve sobre lugares, pessoas, baladas e tudo mais que descobre em suas viagens pelo mundo.

COMENTÁRIOS

  1. André disse:

    Uma verdadeira delícia!

  2. Renato disse:

    MUITO COISA BOA!!!!

  3. Carlos disse:

    Dizem que a vida é para quem sabe viver, mas ninguém nasce pronto. A vida é para quem é corajoso o suficiente para se arriscar e humilde o bastante para aprender.

    Se a gente espalhar coisas boas por onde passar, a vida se encarrega de trazer outras melhores ainda.

    uma pergunta? posso divulgar seu artigo nas minhas redes social para as pessoas curtirem o seu artigo? pois é muito e instrutivo e de boa informação.
    Carlos postou recentemente sobre ➙Tratamento da Ejaculação Precoce – Site Oficial – Programa CAE4SMy Profile

Gostou do post? Me diz o que pensa!





CommentLuv badge

* Campos de preenchimento obrigatório